Patologias /

Dermatomiosite e Polimiosite

Dermatomiosite e Polimiosite

Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas da Dermatomiosite e Polimiosite  (acesse aqui)

CLASSIFICAÇÃO ESTATÍSTICA INTERNACIONAL DE DOENÇAS E PROBLEMAS RELACIONADOS À SAÚDE (CID-10)

– M33.0 Dermatomiosite juvenil
– M33.1 Outras dermatomiosites
– M33.2 Polimiosite

Atenção: Para consultar as atualizações dos medicamentos e CID-10 desta patologia, acessar o SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA UNIFICADA DE PROCEDIMENTOS (SIGTAP).

Medicamentos
  • CICLOSPORINA 100 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 100 MG/ML SOLUCAO ORAL (POR FRASCO DE 50 ML)
  • CICLOSPORINA 25 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 50 MG (POR CAPSULA)
  • HIDROXICLOROQUINA 400 MG (POR COMPRIMIDO)
  • IMUNOGLOBULINA HUMANA 5,0 G INJETAVEL (POR FRASCO)
  • METOTREXATO 2,5 MG (POR COMPRIMIDO)
  • METOTREXATO 25 MG/ML INJETAVEL (POR AMPOLA DE 2 ML)
Documentos necessários

  • Cópia do RG, CPF, comprovante de residência, cartão nacional SUS do paciente
  • LME de solicitação de medicamento (deve ser renovado TRIMESTRALMENTE) 
  • Receita Médica (deve ser renovada TRIMESTRALMENTE junto com o LME)
  • Termo de Esclarecimento e Responsabilidade – TER
  • Relatório Médico com CID, descrevendo os sinais e sintomas (para Azatioprina e Metotrexato), e informando se o paciente possui algum critério de exclusão conforme PCDT de DERMATOMIOSITE E POLIMIOSITE, ou,
  • Relatório Médico com CID, descrevendo os sinais e sintomas e informando os tratamentos prévios utilizados (para Hidroxicloroquina, Ciclosporina e Imunoglobulina Humana) e informando se o paciente possui algum critério de exclusão conforme PCDT de DERMATOMIOSITE E POLIMIOSITE.

Exames para abertura de processo

Exames obrigatórios

Todos os medicamentos:

Paciente deverá apresentar diagnóstico definitivo (presença de 4) ou diagnóstico provável (presença de 3):

  • Fraqueza muscular Proximal das cintura pélvica e escapular (comprovar através de relatório)
  • Evidência de Miosite à biopsia muscular
  • Elevação de qualquer enzima muscular sérica (creatinofosfoquinase (CPK), sendo essa mais sensível, ou aldolase ou desidrogenase lática (DHL), ou aminotransferases [em particular, a aspartato-aminotransferase (AST)/transaminase glutâmico-oxalacética (TGO))
  • Eletromiografia compatível com Miopatia
Para Azatioprina, também:
  • Beta HCG (para mulheres em idade fértil)
Para Ciclosporina, também: :
  • Creatinina sérica
  • Ureia sérica
  • Beta HCG (para mulheres em idade fértil)
Para Hidroxicloroquina, também:
  • Exame oftalmológico
Para Imunoglobulina humana, também:
  • Beta HCG (para mulheres em idade fértil)
Para Metotrexato, também:
  • Hemograma
  • Contagem de plaquetas
  • Beta HCG (para mulheres em idade fértil)
  • Creatinina sérica
  • Ureia sérica
  • TGO/ TGP

Exames de monitoramento

Todos os medicamentos

  • CPK
  • Aldolase
  • LDH (lactato desidrogenase)
  • AST/TGO e ALT/TGP
Periodicidade: a critério médico

Para Azatioprina, também:

  • Hemograma e plaquetas,
  • Fosfatase alcalina
Periodicidade: quinzenalmente até o terceiro mês e, após, mensalmente.

Para Metotrexato, também: :

  • Hemograma e contagem de plaquetas
  • Ureia
  • Creatinina sérica
Periodicidade: mensalmente nos primeiros 6 meses e, após, a cada 2 a 3 meses.

Para Ciclosporina, também:

  • Creatinina sérica. Periodicidade: a cada 2 semanas nos primeiros 3 meses de tratamento e, após, mensalmente se o paciente estiver clinicamente estável.
  • Perfil lipídico e Potássio. Periodicidade :a critério médico
   Para Hidroxicloroquina, também:
  • Exame oftalmológico. Periodicidade: a cada 6-12 meses.
OBSERVAÇÃO: 

Unidades de Referência

Capital

HUPES - Hospital Universitário Professor Edgard Santos

End: Rua Dr. Augusto Viana, S/n - Canela, Salvador - BA, CEP 40110-060

Pólo de infusão de imunobiológicos Ceaf, 1º subsolo

Tel da farmácia: 3283 8256

Horário para cadastramento: 13h às 15h

E-mail: farmamn.hupes@ebserh.gov.br

 

Interior

Bases Regionais de Saúde e Núcleos Regionais de Saúde (antigas DIRES)

Fluxo de acesso para Salvador

Medicamentos Orais

Imunoglobulina Humana e Metotrexato Injetável

Fluxo de acesso para Núcleos Regionais de Saúde (NRS) e/ou Bases Regionais de Saúde (BRS) - Antigas Dires

Medicamentos orais

Imunoglobulina Humana

Observações

Data de atualização: 10/12/2018

O seguimento dos pacientes, incluindo consultas e exames complementares, deverá ser programado conforme a evolução clínica e as alterações detectadas à monitorização da toxicidade do(s) medicamento(s) em uso.