Patologias /

Imunossupressão no Transplante Renal

Imunossupressão no Transplante Renal

Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas- Imunossupressão no transplante Renal (acesse aqui)

CLASSIFICAÇÃO ESTATÍSTICA INTERNACIONAL DE DOENÇAS E PROBLEMAS RELACIONADOS À SAÚDE (CID-10)

– Z94.0 Rim transplantado
– T86.1 Falência ou rejeição de transplante de rim

Atenção: Para consultar as atualizações dos medicamentos e de CID-10 desta patologia, favor acessar o SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA UNIFICADA DE PROCEDIMENTOS (SIGTAP)

Medicamentos
  • AZATIOPRINA 50 MG (POR COMPRIMIDO)
  • CICLOSPORINA 100 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 100 MG/ML SOLUCAO ORAL (POR FRASCO DE 50 ML)
  • CICLOSPORINA 25 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 50 MG (POR CAPSULA)
  • EVEROLIMO 0,5 MG (POR COMPRIMIDO) 
  • EVEROLIMO 0,75 MG (POR COMPRIMIDO) 
  • EVEROLIMO 1 MG (POR COMPRIMIDO) 
  • IMUNOGLOBULINA HUMANA 5,0 G INJETAVEL (POR FRASCO)
  • MICOFENOLATO DE MOFETILA 500 MG (POR COMPRIMIDO)
  • MICOFENOLATO DE SODIO 180 MG (POR COMPRIMIDO)
  • MICOFENOLATO DE SODIO 360 MG (POR COMPRIMIDO)
  • SIROLIMO 1 MG (POR DRAGEA)
  • SIROLIMO 2 MG (POR DRAGEA)
  • TACROLIMO 1 MG (POR CAPSULA)
  • TACROLIMO 5 MG (POR CAPSULA)
Documentos necessários

  • Cópia de RG, CPF, comprovante de residência, Cartão Nacional de Saúde do paciente;
  • Termo de Consentimento Informado preenchido e assinado pelo médico e paciente;
  • Relatório com descrição médica informando se doador vivo (HLA idêntico ou distinto) ou falecido e a condição clínica do transplantado frente ao tratamento imunossupressor atualmente empregado, bem como os medicamentos já utilizados e descrição clínica excluindo nefrotoxicidade crônica por inibidores da calcineurina em caso de rejeição crônica.
  • Receita médica em 2 vias (deve ser renovada trimestralmente junto com o LME)
  • LME de Solicitação de medicamentos (deve ser renovado TRIMESTRALMENTE);

Exames para abertura de processo

Para o estabelecimento do estado de imunossupressão após transplante: Não é necessário apresentar exames, apenas relatório com descrição médica informando se doador vivo (HLA idêntico ou distinto) ou falecido e a condição clínica do transplantado frente ao tratamento imunossupressor atualmente empregado.

Para uso em casos de rejeição- Todos os medicamentos:

Rejeição aguda celular:

  • Creatinina sérica (pelo menos duas dosagens com intervalo de 2 dias)
Rejeição aguda mediada por anticorpos:
  • Anti-HLA
  • Biópsia renal
Rejeição crônica:
  • Creatinina sérica
  • Utrassonografia e doppler colorido da vasculatura do enxerto
  • Biópsia renal

Exames de monitoramento

Para azatioprina:

  • Hemograma. Periodicidade: semanal nos primeiros 2 meses, após a critério médico.
  • ALT, AST, fosfatase alcalina e bilirrubinas. Periodicidade: a critério médico
Para ciclosporina:
  • Dosagem sérica do fármaco, hemograma, glicose, creatinina, lipídeos, eletrólitos, ALT e AST.  Periodicidade: a critério médico
Para tacrolimo:
  • Dosagem sérica do fármaco. Periodicidade: semanal nos primeiros 3 meses, mensal no primeiro ano e após a cada 2 a 3 meses
  • Hemograma, glicose, creatinina, lipídeos, eletrólitos, ALT e AST .Periodicidade: a critério médico
Para micofenolato de mofetila e sódio:
  • Hemograma. Periodicidade: a critério médico
Para sirolimo e everolimo:
  •  Dosagem sérica do fármaco, glicose, creatinina, lipídeos e eletrólitos. Periodicidade: a critério médico

Unidades de Referência

Capital

HAN - Hospital Ana Nery

End: R. Saldanha Marinho, s/nº - Caixa D'agua, Salvador – BA, CEP 40320-010

Tel/Fax da farmácia: 3117-1877/1863 Horário: 7:30h às 16:30h

E-mail: farmacia.renais@gmail.com

 

Interior

Bases Regionais De Saúde E Núcleos Regionais De Saúde (antigas DIRES)

Fluxo de acesso para Salvador

Fluxo de acesso para Núcleos Regionais de Saúde (NRS) e/ou Bases Regionais de Saúde (BRS) - Antigas Dires

Observações

Data da atualização: 01/11/2018