Patologias /

Lúpus Eritematoso Sistêmico

Lúpus Eritematoso Sistêmico

Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas do Lúpus Eritematoso Sistêmico  (clique aqui)

CLASSIFICAÇÃO ESTATÍSTICA INTERNACIONAL DE DOENÇAS E PROBLEMAS RELACIONADOS À SAÚDE (CID-10)

– L93.0 Lúpus discóide
– L93.1 Lúpus cutâneo subagudo
– M32.1 Lúpus eritematoso disseminado (sistêmico) com comprometimento de outros órgãos e sistemas
– M32.8 Outras formas de lúpus eritematoso disseminado (sistêmico)

Atenção: Para consultar as atualizações dos medicamentos e de CID-10 desta patologia, favor acessar o SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA UNIFICADA DE PROCEDIMENTOS (SIGTAP)

Medicamentos
  • AZATIOPRINA 50 MG (POR COMPRIMIDO)
  • CICLOFOSFAMIDA 50 MG (POR DRAGEA) 
  • CICLOSPORINA 100 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 100 MG/ML SOLUCAO ORAL (POR FRASCO DE 50 ML)
  • CICLOSPORINA 25 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 50 MG (POR CAPSULA)
  • DANAZOL 100 MG (POR CAPSULA)
  • HIDROXICLOROQUINA 400 MG (POR COMPRIMIDO)
  • METOTREXATO 2,5 MG (POR COMPRIMIDO)
  • METOTREXATO 25 MG/ML INJETAVEL (POR AMPOLA DE 2 ML)
Documentos necessários

Cópia do RG, CPF, comprovante de residência, cartão nacional SUS do paciente;

Receita Médica (deve ser renovada SEMESTRALMENTE junto com o LME);

Laudo de Solicitação de Medicamentos- (LME) (deve ser renovado SEMESTRALMENTE);

Termo de Esclarecimento e Responsabilidade – TER

Relatório médico com CID-10 deve:

1. Informar os sinais e sintomas conforme classificação pela American College of Rheumatology (ACR), forma de manifestação da doença e tratamentos prévios.

2. Afastar infecção ativa e tuberculose.

Exames para abertura de processo

Todos os medicamentos (exames obrigatórios):

  • Fator anti-nuclear(FAN), Anti-DNA ou anti-Sm ou anticardiolipina (IgM ou IgG) ou VDRL com antiFTA Abs, anti-Ro/SSA e anti-La/ SSB
  • Hemograma
  • Exame qualitativo de Urina
  • Para Ciclosporina, também:
  • Creatinina Sérica
  • B-HCG sérico para mulheres em idade fértil
  • Para ciclofosfamida e azatioprina, também:
  • B-HCG sérico para mulheres em idade fértil
  • Rx de tórax
  • Reação de Mantoux
  • Para Danazol, também:
  • Contagem de Plaquetas
  • B-HCG sérico para mulheres em idade fértil
  • ALT e AST
  • Creatinina Sérica
  • Para Metotrexato, também:
  • B-HCG sérico para mulheres em idade fértil
  • ALT e AST
  • Creatinina Sérica
  • Ureia sérica
  • Fosfatase alcalina
  • Rx de tórax
  • Reação de Mantoux
  • Para Hidroxicloroquina, também:
  • Exame oftalmológico
 

Exames complementares condicionados à situação clínica do paciente, conforme PCDT:

  • Todos os medicamentos:
  • Eletrocardiografia
  • Qualitativo de Urina (EQU)
  • Para Azatioprina, também:
  • Hbs-Ag; Anti-HCV; Anti-HIV; Teste de Mantoux; Rx de tórax
  • Para Metotrexato, também:
  • Fosfatase alcalina sérica

Exames de monitoramento

Para todos os medicamentos:

  • Hemograma, complementos (CH50, C3 e C4), anti-DNA, creatinina, ALT, AST, fosfatase alcalina, exame qualitativo de urina, urocultura, VHS, proteína C reativa, albumina sérica e proteinúria de 24 horas (estes 2 últimos somente se história de nefrite ou lúpus grave). Periodicidade:a critério médico.
  • Para Azatioprina, também:
  • Fosfatase alcalina, ALT e AST. Periodicidade: a cada 15 dias por 3 meses, após a cada 3 meses ou se houver mudança na dose.
  • Para ciclofosfamida, também:
  • Hemograma. Periodicidade: entre o 12º e 14º dia após a infusão
  • Plaquetas, creatinina, eletrólitos e análise do sedimento urinário. Periodicidade:mensalmente.
  • Citologia da urina e citopatológico de colo uterino. Periodicidade: anualmente
  • Para ciclosporina, também:
  • Creatinina sérica. Periodicidade: a cada 2 semanas por 3 meses, após mensalmente se paciente estável.
  • Nível sérico da ciclosporina. Periodicidade: a cada 3-6 meses.
  • Eletrólitos e ácido úrico. Periodicidade:a critério médico.
  • Para cloroquina e hidroxicloroquina, também:
  • Exame oftalmológico em caso de suspeita de miopatia. Periodicidade: a cada 6 a 12 meses.
  • Hemograma. Periodicidade: a cada 3 a 6 meses
  • Fosfocreatinoquinase-CPK e aldolase. Periodicidade: a critério médico
  • Para danazol, também:
  • Fosfatase alcalina, ALT, AST, colesterol total, HDL e triglicerídios. Periodicidade: a cada 3 meses.
  • Avaliação oftalmológica de fundo de olho. Periodicidade: a critério médico.
  • Ultrassonografia hepática (em caso de mais de 6 meses de tratamento).Periodicidade: a cada 2 anos
  • Para metotrexato, também:
  • Fosfatase alcalina, ALT, AST, hemograma plaquetas, ureia e creatinina. Periodicidade: mensal por 6 meses, após a cada 2 a 3 meses ou a critério médico.

Unidades de Referência

Capital

Cimeb - Centro de Infusões e Medicamentos Especializados da Bahia

Parque Solar Boa vista

End: Av. Laurindo Régis , s/nº - Engenho Velho de Brotas, Salvador - BA, CEP 40240-550

Tel/Fax da farmácia: 3116-4935/31171645

Horário: 8h às 18h

E-mail:cimeb@saude.ba.gov.br

 

CREASI - Centro de Referência Estadual de Atenção à Saúde do Idoso

End: Av. Antônio Carlos Magalhães, s/nº, Edf. Professor José Maria de Magalhães Netto. Salvador/ Bahia, 41820-000.

Tel/Fax da farmácia: 3354-3270-5739/5733

Horário: 7h às 19h

E-mail: creasi.farmacia@saude.ba.gov.br

Interior

Bases Regionais de Saúde e Núcleos Regionais de Saúde (antigas DIRES)

Fluxo de acesso para Salvador

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fluxo de acesso para Núcleos Regionais de Saúde (NRS) e/ou Bases Regionais de Saúde (BRS) - Antigas Dires

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Observações

O médico assistente deve ser capacitado para o tratamento do Lúpus eritematoso sistêmico.

Data da atualização: 16/11/2020